Apartamento Cápsula na China - 2x2m

Tweet


Com o superaquecimento do mercado imobiliário Chinês, surge no bairro de Liulangzhuang, norte de Pequim, o mais novo empreendimento imobiliário está longe de se parecer com um dos recém-inagurados arranha-céus da cidade: trata-se de um minicomplexo de oito "apartamentos-formiga", com apenas 2 metros quadrados cada um.

Uma opção para quem está sem dinheiro; o aluguel custa menos de US$ 35 por mês.
Segundo o ranking anual da consultoria britânica Knight Frank, as cidades que mais tiveram incremento dos preços no ano passado são Xangai (52%), Pequim (42%) e Hong Kong (40,5%), de um total de 56 pesquisadas. São Paulo aparece em 11º (5,6%).

A crescente distância entre o preço dos imóveis e a renda média tem causado um intenso debate sobre os riscos de uma bolha imobiliária que poderia estourar num curto prazo, interrompendo o crescimento econômico do país.




0 comentários:

COMPARTILHE

Seguidores

siga no Twitter

 
Marketingimob - Marketing Imobiliário © 2010 | Designed by | Back to top